ANO LETIVO 2016/2017

RESULTADO DO PROCESSO ELEITORAL

PROPOSTA A - 37 VOTOS (11%)

PROPOSTA B - 168 VOTOS (52%)

PROPOSTA C - 106 VOTOS (33%)

Número total de alunos (3.º Ciclo e Secundário) - 448; Número total de alunos que votaram - 338 (72%); Número de alunos que não votaram - 125 (28%); Número de votos nulos - 12 (4%); Número de votos em branco - 0 (0%)


OPE - PROPOSTAS FINAIS

Informa-se que, decorrente da reunião realizada no dia 8 de março com a equipa de coordenação do Orçamento Participativo das Escolas e todos os alunos proponentes das várias propostas apresentadas, as propostas finais são:

Proposta A:

  • Pintura de todos os muros da escola
  • Requalificação do campo de jogos (colocação de redes nas balizas, arranjo do cesto de basquetebol e bebedouros).
  • Aquisição de jogos de tabuleiro (Xadrez e Damas), cordas e elásticos.

Decorrente da proposta "A Brincar Também se Aprende"
Proponentes:Ana Margarida Bessa; Maria Inês Duarte; Mariana Neto; Maria Rita Martins e Rafael Moreira.

Proposta B:

  • Requalificação das casas de banho dos alunos e balneários do pavilhão com a substituição, arranjo e/ou aquisição de equipamentos (tampas de sanita, suportes de papel higiénico, fechaduras, cestos com tampa, portas).

Decorrente da junção das propostas:
"Limpeza e Arranjo das Casas de Banho"
Proponentes: João Colaço; Rui Nunes; Francisco Torres; Carina Pacheco e Ana Ferreira.
"Fecha a Porta"
Proponente: Cátia Sofia Pacheco.
"Equipa (-Te) Com Saúde"
Proponentes: Rafaela Machado; Paulo Ferreira; João Carlos Ferreira; Inês Deolinda Magalhães e Diana Catarina Dias.

Proposta C:

  • Aquisição de uma mesa de matraquilhos com vidro de proteção, varões embutidos e sem moedeiro.

Decorrente da junção das propostas:
"Operação Matrecos"
Proponentes: Carlos Júnio Teixeira; João Alves Ribeiro; Ruben Emanuel Pereira; João Augusto Nunes e José Pedro Teixeira.
"Convívio Escolar"
Proponentes:Jorge de Sousa; Carla Gabriela Ferreira; Maria Rita Valente e Pedro da Rocha.


Assim, a campanha de divulgação das três propostas decorre de 10 a 23 de março, sendo a votação no dia 24 de março (Dia do Estudante).
Relembra-se que apenas podem votar para a eleição da proposta vencedora apenas os alunos do 3.º Ciclo e do Secundário de todas as modalidades de ensino.



ORÇAMENTO PARTICIPATIVO DAS ESCOLAS DÁ VOZ AOS ALUNOS

Os estudantes do 3.º ciclo do ensino básico e do ensino secundário vão poder decidir quais as melhorias a introduzir nos seus estabelecimentos de ensino, de uma forma democrática, no âmbito do Orçamento Participativo das Escolas.
Através desta medida, pretende-se dar voz aos alunos e resposta às suas necessidades e interesses, assim como promover a sua participação cívica. Para tal, as escolas devem abrir procedimento para apresentação de propostas até ao final de janeiro e auxiliar os estudantes no seu desenvolvimento e apresentação até ao final de fevereiro.
Para serem votadas, as medidas devem ter em conta o montante atribuído a cada escola e contar com o apoio de, pelo menos, 5% dos estudantes. As propostas devem ser votadas pelos estudantes no dia 24 de março e adotadas em 2017.
O Orçamento Participativo das Escolas foi anunciado no âmbito do Conselho de Ministros temático, dedicado ao Dia do Estudante, a 24 de março de 2016.

INFORMAÇÕES:

REGULAMENTO DO ORÇAMENTO PARTICIPATIVO DA ESCOLA

MODELO DE PROPOSTA OPE (Partilhado por Sandra Rodrigues)